Fofura que não cabe em palavras

É tanta fofura que não sabemos por onde começar! Um animal de estimação vai além de gatos e cachorros, existem inúmeras espécies e tipos de animais domésticos, mas hoje a Parizi vai te dar uma mãozinha com os cuidados com gatos, cachorros e passarinhos.

Foto: Istock
Foto: Istock

Quando assumimos a responsabilidade de cuidar de um animal ela não pode existir apenas no primeiro mês, o cuidado deve ser por toda vida do nosso melhor amigo pet. E o que consiste nessa tal “responsabilidade”? Levar para passear, recolher o coco na rua, trocar os jornais, colocar ração, colocar água, dar banho ou levar até o pet shop de sua confiança, levar ao veterinário para tomar vacinas, brincar e ufa! Quanta coisa! Pois é, temos que cuidar muito bem dos animais, por isso deve-se planejar bem a chegada de um animal no seu lar para que ele tenha os devidos cuidados merecidos.

Foto: 1000cutethings.tumblr.com:post:13783286615:190-cute-cat-and-dog-friends
Foto: 1000cutethings.tumblr.com:post:13783286615:190-cute-cat-and-dog-friends

Quando estamos comendo, gatos e cachorros geralmente fazem a mesma “carinha de dó” para pedir a nossa comida; e nós com o coração mole e bobo que temos, muitas vezes caímos nessas armadilhas. ALERTA! Se realmente gostamos dos nossos companheiros, não devemos fazer e dar tudo o que eles nos pedem. Alguns alimentos que nós, seres humanos, consumimos são muito prejudiciais aos animais, como por exemplo alho e cebola que podem deixar seu animal anêmico.

Foto: ishinaga.tumblr.com
Foto: ishinaga.tumblr.com

Outros exemplos de alimentos proibidos: chocolate – toxina, abacate – pode causar desarranjo gastrointestinal, café – danos ao sistema nervoso e urinário, uvas e uvas passas – pode causar insuficiência renal, massa de pão e bolo crua – dor ou ruptura intestinal, comidas gordurosas – desarranjo intestinal.

Pra quem achava que apenas no verão os cuidados eram redobrados, se enganou. A verdade é que os cuidados devem ser vigentes em todas as estações. Nossos animais sofrem com as repentinas mudanças climáticas e você deve ficar de olho para que ele não se prejudique. No verão, uma das dicas mais importantes, é se certificar do horário de passear, pois o sol muito forte castiga o cão. A hora do passeio é preferível na parte da manhã até as 10h e a tarde após as 17h, que o sol já não está tão quente e o asfalto não queimará os coxins, aquelas almofadinhas das patas. Nunca se esqueça de fazer pausas durante o passeio para hidratação e descanso na sombra. É importante lembrar que não devemos forçar demais os percursos que fazemos com nossos cães, principalmente os de focinho menor, que se cansam com mais facilidade que os outros.

Foto: www.mixlar.com.br/blog/verao-aprenda-truques-aliviar-calor
Foto: www.mixlar.com.br/blog/verao-aprenda-truques-aliviar-calor

Os gatos geralmente ficam estressados quando saem para passear. Já o seu bichano você deve deixar sossegado no seu lar.

Foto: favim.com/image/317316
Foto: favim.com/image/317316

No inverno os cuidados são um pouco diferentes, é importante mantê-los agasalhados porque também sentem frio e o banho é importante, mas pode ter dias mais espaçados entre eles e se possível, é melhor que tome banho no pet shop, porque lá eles estão mais preparados para lidar com qualquer contratempo. No frio o maior problema é a umidade e num pet shop eles serão bem escovados e secados corretamente para não surgir fungos que causam doença na pele. Além do inverno trazer o frio, também traz doenças e deve-se tomar cuidado para seu pet não contrair nenhuma delas, mantenha sempre o veterinário informado de qualquer sinal estranho para que seja tratado logo.

Foto: www.dickiesstore.co.uk/blog/2014/01:06:10-tips-for-keeping-your-dog-warm-and-safe-on-winter-walks
Foto: www.dickiesstore.co.uk/blog/2014/01:06:10-tips-for-keeping-your-dog-warm-and-safe-on-winter-walks

Já os pássaros tem um cuidado diferenciado, o momento da muda é um processo importante que consiste na mudança de plumagem, é nesse período que devemos complementar sua dieta com gorduras, proteínas, vitaminas, cálcio e hidrato de carbono. Não conseguimos afirmar uma data ao certo da muda, quando se trata de animais de estimação, porque vivem em ambientes com a temperatura controlada. Uma dica importantíssima é borrifar água duas vezes por semana para ajudar o pássaro.

É importante ficar atento as unhas também, se elas estiverem grandes demais, você pode corta-las tomando cuidado para não machucar, ou levar ao veterinário.

Foto: foradobiotipo.blogspot.com.br/2013_03_01_archive.html
Foto: foradobiotipo.blogspot.com.br/2013_03_01_archive.html

O importante é que um lar que tem um animal presente, é mais alegre e mais feliz. Caso você ainda não tenha um pet, estude, planeje a melhor forma, converse com seus pais e mostre toda a sua responsabilidade. O que não falta é feira de adoção para você querer adotar todos os pets! Agarre essa oportunidade!

Continue acompanhando o blog da Parizi para mais dicas. Instagram: @parizijeans

Posts recentes

Comentários

    Arquivos

    Categorias

    Meta

    Escrito por:

    seja o primeiro a comentar

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *